Quem Somos

sobrenos2

Uma reportagem pela Zankyou Weddings

É no coração de uma bonita e soalheira Lisboa, a meio caminho entre a Pronoivas, a Penhalta e a Rosa Clara, que fica o estúdio da 1Love4Ever. Um edifício de traça antiga, com salas de tectos altos trabalhados a lembrar um ambiente de palacete, restauradas para receber os casais que vão à procura do seu final feliz. A Zankyou esteve lá, à conversa com o fotógrafo à frente do projecto, Pedro Costa, e a sua talentosa assistente, Filipa Lindmark.

Falar da 1Love4Ever é falar também um pouco da Lili Cherry. A primeira, a menina dos olhos do Pedro. A segunda, a sua inspiração. Desde sempre apaixonado pela fotografia, desde os tempos de menino em que a avó lhe ofereceu uma Kodak Júnior de 1938, foi outro o rumo profissional que escolheu, somou 12 anos de trabalho na banca. O amor pela fotografia esteve lá sempre, irredutível! Mas só recentemente tomou conta de tudo e por completo. Dezembro de 2014 assistiu ao nascimento oficial da 1Love4Ever, contudo, o Pedro já fotografava em nome próprio. A ‘culpa’ é da Dalila Costa Carrilho, a grande mulher à frente da empresa de wedding coach Lili Cherry. Foi para ela, e promoção do trabalho da sua empresa, que o Pedro começou a fotografar. Resisti antes de me lançar no desafio de encabeçar um projecto de fotografia de casamento», revela. Primeiro precisou de procurar formação e orientação de grandes nomes da fotografia de casamentos em Portugal. Conhecia muitos, dos anos em que trabalhou lado a lado com a Dalila nos casamentos organizados pela Lili Cherry e foi a vê-los fotografar que consegui muito do seu know-how! Autodidacta e apaixonado, seguiu com atenção o trabalho de Nelson Marques, Rui Teixeira, Catarina Zimbarra e entre outros. Foi aliás assim que conheceu a sua assistente, a Filipa. Mas hesita em chamá-la de assistente e prefere o termo colega. Porquê a Filipa? O Pedro não vacila: «pela visão, talento e sensibilidade». Depois de uma «proposta quase irrecusável», a Filipa juntou-se ao barco.

O estilo das foto-reportagens da equipa pauta-se pela versatilidade da mesma. Mas, apesar da importância de se adaptar ao que os noivos querem e visualizaram para o seu casamento, o Pedro aposta muito na espontaneidade das suas imagens. «Um casamento é de uma responsabilidade tão grande. Se não estamos atentos no momento certo, na hora certa, não há direito a remake. O momento não se repete», acrescenta. E é por isso que, acima de tudo, está sempre em alerta.

A Filipa segue, segura, os passos do Pedro. E juntos, fazem uma pequena grande equipa. É aliás assim que o Pedro quer continuar. A 1Love4Ever só fotografa um casamento por dia. Não há segundas equipas. São as fotografias e o olhar atento do Pedro e da Filipa que contam a história do casamento. É com eles que os casais criam uma relação de cumplicidade e é esse o ponto de partida do trabalho da 1Love4Ever. «Não temos horários nem limites de fotos. Fazemos reportagens espontâneas com narrativas. Daqui a um ano, dez ou vinte anos, os noivos podem olhar para a história e perceber como tudo realmente se passou e não como um fotógrafo a produziu».

A emoção faz até parte. «Aposto muito na relação com os noivos. Preciso de conhecê-los para perceber como querem que a sua história seja contada. Cada história de amor é uma história de amor diferente». Com base nesta relação de proximidade, nasceu o nome da empresa. 1Love4Ever porque a relação que o Pedro mantém com os casais que fotografa é, como o amor destes, para sempre. E é recorrente voltar a falar com os noivos que fotografou e fazer com eles tantas outras sessões fotográficas: a gravidez, os primeiros anos do bebé, o baptizado. E, se precisar, pode contratar também o serviço de vídeo. A história continua e a 1Love4Ever estar lá para a narrativa das imagens.

PT-badges-zankyou-300x300  horizontal-white